HOME     COLUNISTAS     QUEM SOMOS     RAÇAS     FOTOS     NOTÍCIAS     CONTATO

   

Notícias
O Buldogue americano 23/03/2019 às 21:16:41

Todo mundo conhece os buldogues ingleses, esses cães gordinhos que estão sempre sorrindo e babando pelos cantos. Você sabia que existem pelo menos três raças derivadas do buldogue? Hoje queremos falar de uma delas, que talvez seja tão conhecida quanto o seu parente inglês: o buldogue americano.

Os animais de estimação dos imigrantes

O buldogue foi uma das raças importadas pelos imigrantes até os Estados Unidos durante o século 19, isso porque os ingleses costumavam levar os seus animais de estimação nas travessias. Ao se estabelecerem no sul do país, os imigrantes e habitantes da região começaram a utilizar essa raça como cão de guarda.

Dessa forma, o buldogue foi deixando de ter a aparência gorda e robusta, adquirindo um aspecto mais atlético e dinâmico, sem deixar de ter a musculatura característica que marca essa raça. Os buldogues americanos são cães de tamanho médio e muito leais.

Mas não se engane com as aparências, pois os buldogues americanos são animais bastante dóceis. Eles se tornaram cães de guarda, devido ao seu grande senso de lealdade e de proteção.

buldogue americano

 

Fonte: sannse

Além disso, foram treinados para serem grandes caçadores. As planícies e pradarias do sul dos Estados Unidos estavam cheias de predadores e outros animais que prejudicavam o gado e a renda de seus donos.

Durante um tempo, acreditou-se que essa raça estivesse extinta por causa das constantes guerras que fustigavam o mundo durante a primeira metade do século 20. A raça se recuperou graças aos esforços de dois principais criadores: Alan Scott e John D. Johnson.

Aspectos físicos do Buldogue americano

Como dissemos anteriormente, os buldogues americanos possuem um tamanho mediano e ambos os sexos medem em média entre 55 e 60 cm. São animais pesados que variam de 35 a 50 kg, aproximadamente, para os machos, e de 30 a 40 kg para as fêmeas.

Morfologicamente, possuem uma cabeça grande e robusta, similar à do pitbull, com o focinho pronunciado e largo. Possuem lábios grossos, mandíbula forte, olhos medianos e redondos bem separados entre si, e orelhas um pouco caídas.

O seu corpo é grande e largo, o seu peito é musculoso e profundo. As suas extremidades são proporcionais ao corpo. O buldogue americano tem um rabo grande que pode ou não ser cortado, dependendo do seu dono. Quando em trote, a sua movimentação é moderada, começando nas patas posteriores, mantendo um ritmo constante e sem esforço.

Com relação à sua pelagem, é bastante curta, seca, lisa e muito fácil de escovar; eles têm predominantemente a coloração branca em todo o seu corpo, e algumas manchas de cor marrom, cinza e preta.

Comportamento

O buldogue americano é um cão muito inteligente, muito leal com seus donos e bastante protetores com o entorno que defendem. Talvez seja por isso que sejam considerados antissociais, mas isso é mentira.

Filhote de buldogue americano

 

Fonte: sannse

Se os buldogues americanos aprendem a interagir com outras pessoas e outros cães cedo, eles não terão problemas no futuro, a menos que alguém entre no seu círculo de segurança.

  • Recomenda-se fazer essa aproximação em um espaço amplo, com muitas pessoas e cães de diversas raças para que o animal se familiarize com todos.

Como mencionamos anteriormente, eles são muito dóceis, tanto que adoram passar o tempo com as crianças, brincando e tomando conta delas constantemente. Além disso, precisam praticar muito exercício físico devido à energia que guardam dentro de si. Caso ela não seja drenada, o cão pode desenvolver problemas comportamentais.

Saúde

Eles são cães relativamente saudáveis, mas se o clima sofrer uma mudança drástica, poderá afetar seriamente a saúde do animal. Ademais, eles são propensos a sofrerem de displasia de quadril devido ao seu tamanho e peso. Por isso, recomenda-se ficar de olho nas suas mudanças de postura.

Também é importante tomar cuidado com relação às doenças de pele, já que nas dobrinhas há uma grande concentração de umidade e sujeira, que devem ser limpas de tempos em tempos para evitar doenças. O mesmo acontece com a escovação: é preciso que seja constante para verificar se algum parasita aderiu à sua pele. 

Como acontece com todos os animais, são necessárias consultas regulares ao veterinário para verificar o seu estado de saúde. Portanto, qualquer mudança de humor ou de algum parâmetro anteriormente mencionado devem ser sinais de alerta.

 

 

 

Imagens: (Ayton-Boulam, sannse e Atsme)

Fonte: (Meus Animais)






ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Bichos e Plantas confirma stand no 10º Encontro de Cães e Criadores
19/07/2019 às 21:15:01

Pela primeira vez: Love Pet K estará no Encontro de Cães & Criadores
19/07/2019 às 20:33:17

Mundo Animal mais uma vez estará no Encontro de Cães e Criadores, de Itabira, MG
17/07/2019 às 21:24:52

Casa dos Animais confirma participação no 10º Encontro de Cães e Criadores de Itabira, MG
17/07/2019 às 20:56:38


© Canil Garra 2019. Todos os direitos reservados. Webmail

E-mail: contato@canilgarra.com.br

Fale Conosco